Embora 2018 se inicie com o país ainda envolto em incertezas quanto ao seu futuro próximo no que se refere à economia, em Goiânia, uma luz no fim do túnel se acende de forma bastante promissora: o mercado imobiliário dá sinais de recuperação e se apresenta como uma próspera opção de investimento.

Passado o período de recessão mais intensa, o balanço dos negócios envolvendo imóveis em 2017 mostra o porquê de esse ser um dos investimentos mais resistentes às incertezas e à instabilidade que o país ainda enfrenta.

Confira neste post quais os indícios de que apostar em apartamentos à venda em Goiânia é uma alternativa segura para direcionar seus investimentos.

Bons indicativos em 2017

Apesar de todas as dificuldades que a economia enfrentou em 2017, o ano foi de retomada dos negócios no mercado imobiliário de Goiânia, depois do período mais acentuado da crise, entre 2015 e 2016.

Com o crescimento das vendas, houve uma sensível melhora nos indicadores do mercado em 2017. De acordo com dados da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Goiás (Ademi-GO), houve crescimento de aproximadamente 20% nas vendas de imóveis em Goiânia e Aparecida, com quase 5 mil negócios fechados.

O resultado foi impulsionado não apenas pelo crescimento dos negócios, mas também pela redução dos distratos (cancelamento dos contratos), que eram ocasionados pelas restrições ao crédito.

Imóveis mais valorizados

Em 2017, o valor líquido de vendas de imóveis também cresceu consideravelmente. Se, em 2016, o mercado gerou cerca de R$ 1,1 bilhão em negócios, no ano passado, esse valor passou dos R$ 2 bilhões.

Também houve crescimento na valorização das unidades na capital goiana, em contrapartida com o registrado na média nacional, conforme aponta o índice FipeZap, calculado em parceria entre a Fipe o portal Zap Imóveis.

Enquanto, nas principais cidades brasileiras, houve retração no valor médio das unidades residenciais em 0,54%, em Goiânia, houve valorização de 0,64%. Ou seja: a capital goiana foi o melhor investimento do mercado imobiliário em 2017.

Os diferenciais de Goiânia

Para quem, mesmo com a avaliação positiva dos indicadores, ainda resiste em considerar o investimento em imóveis em Goiânia, uma análise conjuntural mais apurada pode ajudar na hora da decisão.

A perspectiva de melhoria no mercado imobiliário pode ser embasada por uma série de motivos que, em conjunto, tornam a cidade um porto seguro:

O metro quadrado mais barato

Pelo segundo ano consecutivo, em 2017, Goiânia foi a capital brasileira com o metro quadrado mais barato do país, segundo pesquisa da FipeZap. O levantamento apontou o valor médio de R$ 4.137 na cidade, contra uma média de R$ 7.631 nas 20 cidades pesquisadas.

O levantamento considera o valor anunciado pelos vendedores, e não o preço efetivamente negociado. Apenas em Contagem, no interior de Minas Gerais, foi registrado valor menor (R$ 3.521).

Qualidade de vida

Goiânia é reconhecida como uma cidade privilegiada no que se refere à qualidade de vida no país. Diferentes levantamentos confirmam isso. Com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 0,79, a capital goiana é o segundo melhor lugar para se viver na região centro-oeste do Brasil, atrás apenas de Brasília.

Essa condição tem atraído (e agradado) imigrantes de outras partes do país, o que ajuda a movimentar a economia local. Muitos deles adotam a cidade, seduzidos por sua hospitalidade e desenvolvimento urbano, que ainda resiste às principias vicissitudes das grandes metrópoles (como dificuldades de acessibilidade e a escassez de serviços públicos). Isso faz das casas e apartamentos à venda em Goiânia bens disputados.

Economia sólida

A economia de Goiânia também tem boas perspectivas para 2018. Bem desenvolvido no estado de Goiás, o agronegócio deve ter resultados positivos e pode impulsionar o crescimento da região.

Além da agricultura, que já registrou um excelente desempenho em 2017, há expectativa de crescimento no setor de carnes, também com produção significativa em Goiás. Goiânia também desfruta de posição geográfica privilegiada, o que facilita o escoamento da produção e a circulação de mercadorias.

Custo de vida mais baixo

Outra vantagem de se viver em Goiânia é o custo de vida mais baixo em comparação com outras grandes cidades brasileiras. Em 2017, a inflação da cidade foi de 3,4%, de acordo com o Instituto Mauro Borges. O índice é inferior ao registrado no ano anterior (7,3%).

Por que investir em imóveis

O mercado imobiliário é uma opção segura de investimento não apenas por ser uma ótima maneira para acumulação de patrimônio, mas também como uma forma de garantir incremento de renda. Confira por que é interessante investir em imóveis:

Investimento seguro

Mesmo em períodos de instabilidade, o mercado imobiliário é um investimento seguro, se comparado com outras opções disponíveis. Embora também sejam afetados pela crise, os imóveis desvalorizam-se menos, e a retomada da rentabilidade é mais rápida com a recuperação da economia.

Boa valorização

Mesmo que a liquidez não se mantenha elevada, especialmente nos momentos de turbulência, dificilmente um bom imóvel se desvaloriza. Pelo contrário. Quando se realiza um investimento de forma planejada, adequado ao seu perfil e a seus objetivos, a possibilidade de valorização é elevada.

Possibilidade de renda

Um investimento bem planejado, com diversificação dos imóveis em bairros desenvolvidos, com bom potencial para locação, pode garantir uma considerável renda com aluguéis.

Lastro para outros investimentos

Um bom patrimônio baseado em imóveis também pode abrir portas para outros investimentos. Ele pode, por exemplo, servir como garantia para outros negócios em que, eventualmente, você deseje apostar.

Melhoria das condições econômicas

Com os primeiros indicativos de recuperação da economia do país, a conjuntura já se mostra bem mais simpática aos investimentos imobiliários do que nos dois últimos anos, por exemplo. A inflação em queda, a taxa básica de juros nos menores patamares da história e a maior disponibilidade de crédito no sistema bancário devem alavancar essa recuperação.

Em resumo, após um período de baixa, acompanhando a instabilidade da economia nacional, o setor imobiliário dá sinais de que retornará, em 2018, a um viés de alta. É o momento de planejar os próximos movimentos e garantir bons negócios em um mercado seguro e rentável.

Que tal conferir as oportunidades de apartamentos à venda em Goiânia? Entre em contato conosco. Teremos prazer em ajudá-lo a avaliar quais os melhores investimentos para o seu perfil!