Por mais que você prefira uma vida independente, sem maiores intimidades com a sua vizinhança, ter alguém com quem contar em casos de imprevistos ou necessidades é sempre bom. Portanto, é importante saber como ter boa convivência com os vizinhos.

Assim, é possível construir laços de respeito, paciência e empatia que contribuam para a solução dos problemas comuns. Pensando nisso, preparamos este post com dicas para que você saiba como manter um bom relacionamento com os moradores mais próximos da sua casa!

Boa leitura!

Use o bom senso para conviver com a vizinhança

Construir e manter uma boa relação com quem mora perto de sua residência é fundamental, especialmente se você mora em condomínio. A iniciativa começa dentro da sua própria casa. Lembre-se: se certos comportamentos dos vizinhos incomodam, a recíproca é verdadeira.

É preciso ter atenção para muitos hábitos que passam despercebidos, mas que podem gerar transtornos e aborrecimentos aos outros. O bom senso e a educação são as chaves para que as suas condutas respeitem os vizinhos.

Em condomínios, a garantia de uma convivência em harmonia dependerá do comprometimento de todos os moradores.

Veja 4 dicas para ter boa convivência com os vizinhos

Conviver em harmonia com os outros vizinhos não significa que você deva ter amizade ou intimidade com eles. Entretanto, existem algumas atitudes indispensáveis que ajudarão muito no quesito boa convivência.

Confira as dicas que relacionamos para você!

1. Conheça o lugar onde você vai morar

Informe-se sobre qual é a proposta do condomínio, sua localização, o tipo de morador que ele deseja atrair, o que oferece em termos de lazer, segurança, conforto e privacidade para evitar futuros inconvenientes.

2. Seja cordial com a vizinhança

A educação, o jeito de conversar, a capacidade de tolerar, a simpatia e a gentileza são características de quem respeita o outro como ser humano e, por isso, podem facilitar e dar um toque agradável às relações entre você e as pessoas.

3. Evite fazer barulhos muito altos

Como diz o ditado, “não faça ao outro aquilo que não quer que façam com você”. Tente não incomodar com barulhos — seja tarde da noite ou de manhã cedo. Faça o possível para respeitar esse protocolo, principalmente no período entre 22h e 8h.

4. Siga todas as regras e normas de convivência do seu condomínio

Procure conhecer as regras e normas do seu condomínio. Elas informam, por exemplo, sobre os horários permitidos para a realização de obras e entrega de materiais, sobre a utilização das áreas comuns e sobre quais são os procedimentos que seus convidados e prestadores de serviço devem cumprir para chegar à sua residência.

Participe das reuniões promovidas pela associação de condôminos para ficar sempre por dentro de novas regras e projetos. Além disso, esse também é um momento no qual você pode apresentar sugestões e fazer reivindicações.

Sabendo como ter boa convivência com os vizinhos fica mais fácil discutir, compartilhar e defender interesses comuns e possibilitar que você e sua família aproveitem da melhor maneira possível o aconchego do lar.

Você se relaciona bem com seus vizinhos? Que tal compartilhar a sua experiência? Deixe um comentário aqui!